Media

‹ VOLTAR

R&D NESTER desenvolve cenários pan-europeus de energia até ao horizonte temporal de 2050

 

A equipa do R&D Nester desenvolveu, numa atividade realizada no âmbito do projeto europeu FlexPlan, cenários de energia pan-europeus para três horizontes temporais incluindo 2030, 2040 e 2050. Esta atividade foi desenvolvida com a contribuição de diversos parceiros do projeto, incluindo operadores de rede (TERNA, ELES, REN) e parceiros da academia (SINTEF, TU-Dortmund).

Os cenários energéticos desenvolvidos têm como objetivo representar diversas alternativas para a visão energética europeia nos horizontes temporais considerados e serão utilizados no âmbito do projeto como a principal fonte de dados para validar a ferramenta de planeamento de rede desenvolvida.

Esta validação será feita através de seis casos de estudo regionais, que englobam diversos países europeus e cujos desenvolvimentos são realizados dentro de um work package que o R&D NESTER lidera.

Neste desenvolvimento consideraram-se três cenários diferentes por cada horizonte temporal, totalizando nove cenários utilizados no projeto. Adicionalmente, considerou-se a utilização de fontes de dados amplamente aceites pela comunidade técnica e cientifica internacional, de forma a obter desde já uma validação dos mesmos.

Os cenários desenvolvidos para os horizontes temporais de 2030 e 2040 são em grande parte baseados no presente plano de desenvolvimento de rede a 10 anos (vulgo TYNDP) da ENTSO-E, cujos dados foram recentemente publicados por esta associação e estão disponíveis em:  https://tyndp.entsoe.eu/.

Os cenários criados para 2050 são uma adaptação desta mesma fonte, realizada pelo R&D NESTER. Esta adaptação foi validada com dados provenientes da estratégia de logo prazo da Comissão Europeia para a energia e clima - Um planeta limpo para todos - disponível em https://ec.europa.eu/clima/policies/strategies/2050_en.

Cada um dos cenários desenvolvidos apresenta um panorama pan-Europeu energético e inclui:

·       Capacidade instalada por país (e por tecnologia)

·       Fatores de produtividade anuais para produção de energia renovável

·       Consumo energético anual e pico de consumo

·       Series temporais de consumo a nível nacional

·       Capacidades comerciais de Transporte (NTCs)

·       Reservas Operacionais (FCR, FRR)

·       Preços de combustível.

A descrição da metodologia utilizada para a criação dos cenários, e a descrição de dados adicionais utilizados no projeto, estão publicados num relatório (D4.1) criado pelo R&D NESTER que está publicamente disponível na página da internet do FlexPlan, em  https://flexplan-project.eu/publications/.

O Flexplan é um projeto com a duração de três anos financiado pelo programa quadro Horizonte 2020, iniciou-se em Outubro de 2019 e é desenvolvido em consórcio com um total de 13 parceiros de 8 países europeus envolvendo vários operadores de rede de transporte e distribuição. O R&D Nester e a REN são parceiros integrantes deste consórcio. Todos os detalhes do projeto podem ser consultados em: https://flexplan-project.eu/.

O projeto tem como objetivo a criação de uma inovadora ferramenta de planeamento de rede que introduza novas funcionalidades, cruciais para o planeamento de rede no contexto atual e futuro. Destacam-se, entre outras, a utilização de elementos de flexibilidade como alternativa à tradicional expansão de rede, metodologias probabilísticas de análise de contingências (substituindo/acrescentando valor ao critério N-1) e uma análise de impacte ambiental completa das várias alternativas de planeamento consideradas.

Ver todas as newsletters